Capítulo 10 - Oceano

Explorando as profundezas do perdão

Quem não consegue perdoar, destrói a ponte pela qual terá de passar.
(George Herbert)


Eu ADORO praia, mas tem gente que não gosta. Lembro-me de uma experiência que passei com meus avós, eu na beirinha da praia, e meu avô Northon no fundão me chamando, e eu fui sem medo, sem noção nenhuma que poderia acontecer, mas pelo simples Fato que AMOOOOO o mar, mas se você for ver, o que vemos de um mar parece tão superficial, comparado aos mergulhadores profissionais que vão beeeem fundo e ainda entendem que, por causa da pressão, o homem só pode chegar até 40 m de profundidade, mesmo com toda a equipagem. Mas para se ter noção, o lugar mais profundo dos oceanos fica a 11000 m de profundidade! Vendo isso, parece que não aproveitamos todo esse marzão.

Com Deus as coisas são da mesma forma. Tudo o que vemos, por incrível que pareça, é superficial. E da mesma forma, tem uns que preferem brincar na superfície e poucos, se aventuram ir mais longe. O Senhor tem para aqueles que O buscam profundezas bem maiores que o oceano, mas, infelizmente, tendemos a apenas molhar nossos pés na água. Para ir mais fundo e explorar mais, precisamos de um equipamento indispensável - o perdão. Com um mês para viver, quem pediria perdão? E quem precisaria perdoar?

E o que é perdoar? Vemos na Palavra a oração clássica do Pai-Nosso, que nós PEDIMOS a Deus para que nos perdoe assim como temos perdoado. Queremos isso, de fato? Eu não! Por que? Porque por não entender a realidade do perdão, não sabemos perdoar. No final das contas, uma coisa que refleti é que perdoar não é um sentimento no coração de esquecer tudo e gostar da pessoa da mesma forma que antes. Perdoar é uma atitude de fé, coragem e humildade. E o principal: uma atitude onde você desiste, de transferir o pesar da culpa para o outro... é como libertar um prisioneiro, e descobrir que na verdade o prisioneiro é você.

Todos queremos ser perdoados. Mas a hora de perdoar é um momento 'fatal'. A ferida aberta ou a mágoa doem muitoooooooo, impedem que o perdão seja liberado. Mas o perdão é como ver nas profundezas do mar. Acima da superfície, nada se vê do profundo - não há motivos lógicos para que se perdoe alguém que me feriu. Mas quando mergulha e coloca a máscara, tudo fica mais claro e visível. A própria Bíblia mostra razões muito boas para perdoar. Primeiro, porque é uma ordem divina, sem questionamentos. Mas será que Deus não pensa na gente? Doeu demais! Mas aí vem o segundo motivo. Se você tentar chegar ao fundo do oceano sem roupas adequadas, seus pulmões podem explodir e você com certeza vai morrer. Assim é com Deus. Quanto mais fundo você mergulhar com ressentimento, maior será a pressão e o stress e a amargura, tudo isso junto e misturado vão esmagar seus relacionamentos. Você não sobreviverá em paz em toda a sua vida enquanto não estiver utilizando-se do perdão.

Outra regra importante no mergulho, é não prender a respiração. Caso prenda enquanto está subindo para a superficie, o ar se expande e seu pulmão pode estourar - e isso não deve ser uma experiência muito legal ... nos relacionamentos, quando prendemos nossos sentimentos, ficamos chateados, tristes, magoados, decepcionados, e retemos isso. Até mesmo com Deus...estamos friamente frustrados , pois Ele mesmo nos alerta! "Apaziguem sua ira antes que o sol se ponha"... Dormir com ira nos leva acordar no outro dia com amargura! Expressem suas emoções com os outros e com Deus! Não é para ser inconveniente, por favor, né!!!! Mas aprenda a ser sincero, e a viver baseado no poder e transformação de Deus! Se for difícil perdoar, seja sincero com Deus! Perdoar não é sentir, perdoar é poder de Deus para restaurar relacionamentos. E se no fundo, está dificil perdoar Deus, seja sincero com Ele, e Ele mesmo irá tratar o relacionamento de vocês!

E, por fim, enquanto nós não sentirmos a graça e o perdão de Deus, nunca seremos plenos em perdão para com os outros. Isso porque perdoar é atitude de coragem, conhecendo o perdão incondicional de Deus por você, você pode chegar para a outra pessoa e perdoá-la, na força que Deus dará a você. Infelizmente, o que temos muitas vezes são pessoas incapazes de perdoar porque agarram-se na âncora de culpa que os puxam para baixo. Mas o próprio Pai lança os pecados no mar do esquecimento, para que sejamos livres e leves para mergulhar nas profundezas do seu mar de amor! Você é perdoado, e por isso, pode perdoar os outros.

Reflita sobre as pessoas que magoaram você, e o que elas fizeram. Seja sincero com Deus sobre isso, e peça a Ele a força necessária para liberar o perdão, independente do quão certo você acha que esteja. E reflita sobre as pessoas que você magoou, ou busque saber se o seu comportamento está magoando alguém. E peça a Deus humildade para perdir perdão. E acima de tudo, seja honesto com Deus sobre seus temores e receios, e peça para que Ele, com seu poder, ensine o quanto te ama, e te dê forças suficientes para libertar o prisioneiro que existe nos seus relacionamentos - você.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BORBOLETAS VIVEM APENAS 24 HORAS: VERDADE OU MITO?

Fazer o Bem sem Ver a Quem

Projeto Decoreba - Hebreus 13.8