Dia 27: Estrela do Mar


Fazendo um Mundo de Diferença


“Basta que os homens bons não façam nada para que o mal triunfe.” (Edmund Buike)

Quando começamos a pensar que felicidade significa estar seguro e confortável, e o principal objetivo é fugir de todos os riscos, priorizando estar são e salvo, perdemos o contato com nossas prioridades primárias e as necessidades dos outros.
Fomos criados para uma grande aventura!!Deus nos criou para assumir riscos, enfrentar desafios e gigantes para a realização de objetivos com impactos duradouros.
Um executivo em visita a uma cidade turística, saiu do hotel que estava hospedado para caminhar a beira da praia e deparou-se com milhares de estrelas-do-mar que estavam na areia, pois a maré alta as lançou na praia. Ainda vivas se moviam. Aquele homem tinha consciência que não demoraria até o sol cozinha-las, ele queria fazer algo mas havia milhares delas, até onde os olhos não conseguiam ver, e qualquer tentativa de salvar todas elas seria inútil.
Assim seguiu em frente. Caminhando um pouco mais pela praia, viu um menino que abaixava, pegava uma estrela e a jogava de volta ao Oceano, o menino repetia o processo varias e varias vezes, cada vez mais aumentava a velocidade, numa tentativa óbvia de salvar o máximo que podia. Percebendo a intenção do menino, o executivo sentiu-se na obrigação de ajuda-lo e também ensinar-lhe uma dura lição de vida. Foi até o garoto e disse:
-Filho, deixe-me dizer-lhe uma coisa. O que você esta fazendo aqui é nobre, mas não é possível salvar todas estas estrelas-do-mar. Existem milhares delas, está começando a ficar quente, e elas vão morrer. É melhor seguir seu caminho e brincar. Não da para fazer nenhuma diferença aqui.
O menino não disse nada num primeiro momento, olhou para o executivo, abaixou-se e pegou outra estrela e jogou no Mar, o mais longe que poderia e disse:
- Boom, eu fiz toda diferença para esta aqui!
É comum as crianças nos ensinarem mais do que nós a elas. Talvez o que explica melhor esta resposta do menino foi apresentado por Helen Keller: “Sou apenas uma, mas ainda sou uma. Não posso fazer tudo, mais ainda assim posso fazer alguma coisa; e não é porque não posso fazer tudo que vou me recusar a fazer algo a meu alcance.”
Se tivéssemos alguns dias para viver, não gostaríamos de ter se arrependido de uma vida mal vivida e autoconcentrada. Desejaríamos ter a certeza de que honraríamos Deus que amamos, sendo excelentes administradores de tudo que Ele nos concedeu. (Romanos 12.1,2)
Paulo revela o segredo para a maturidade: Devemos abandonar o foco no conforto próprio e tornar-mos sacrifício vivos.
Siiiim Deus já sabe das necessidades de todas as pessoas do mundo, Mas orar por elas, conecta nosso coração ao delas, faz com que concentremos nas necessidades dos outros de maneira singular. Somos forçados a olhar além de nós mesmos, e a confiar em Deus, que mostrará a maneira que poderemos amar e ajudar por quais oramos. Oferecemos nosso corpo como sacrifício vivo quando doamos tempo, talento e bens (Provérbios 2.13).
Você tem conhecimento, habilidade e técnicas que podem mudar a vida de alguém se você colocar em prática. Consegue ser bom ouvinte? Oferecer um sorriso? Abraçar?
Subestimamos o poder do simples fato de estar presente na vida de alguém (Romanos 12. 3-8).
Juntos podemos literalmente mudar o Mundo.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BORBOLETAS VIVEM APENAS 24 HORAS: VERDADE OU MITO?

Seja Sua Melhor Versão Diariamente

Se Achega Pertim de Mim